ACIB TOP

Buritis Agora - Notícias de Buritis e região

LATITUDE SITE NOTICIAS

Delegacia de Monte Negro permanecerá aberta após pedido do deputado Alex Redano

Assessoria

06/07/2020 19h54

Parlamentar assegurou a continuidade do funcionamento da delegacia no município

Delegacia de Monte Negro permanecerá aberta após pedido do deputado Alex Redano

O deputado estadual Alex Redano (Republicanos), que em 2015 foi o autor do pedido da implantação de uma Delegacia de Polícia Civil no município de Monte Negro, a 250 quilômetros de Porto Velho, teve a sua solicitação atendida pelo Governo em março de 2016.

Mas, recentemente, o deputado recebeu o clamor da sociedade de Monte Negro, para que “a Delegacia não feche as portas”, uma vez que a delegacia mais próxima está em Ariquemes.


O parlamentar intercedeu junto a Casa Civil e ao delegado geral da Polícia Civil, Samir Fouad Abboud, levando o pedido de socorro da população para que o Estado não fechasse a delegacia. “A população pediu, na época cobrei do então governador Confúcio Moura (MDB) a instalação dessa delegacia, que prontamente fui atendido. Agora, o podido da população é de que não feche as portas e a população não fique sem esse importante serviço”, frisou o parlamentar.

Em reunião com o diretor geral da Polícia Civil em Rondônia, o deputado Alex Redano recebeu a boa notícia de que a delegacia permanecerá aberta à população e que o delegado estará ao dispor dos moradores de Monte Negro, que temiam com o fechamento da delegacia e uma onda de crimes na cidade.

Redano comemorou a boa notícia. “Agradeço imensamente ao delegado Samir que olhou com bons olhos essa causa. A população de Monte Negro tenho certeza de que também está feliz com essa notícia”. Agradeceu o parlamentar. O deputado lembrou que esse pedido contou com o apoio da Associação Comercial de Monte Negro, do representante da OAB naquela cidade Dr. Flaviano e da sociedade civil que sempre lutou por uma delegacia.

Leia mais:

Vingança por chacina na família Mato Grosso motivou a execução de casal, diz delegado


Fonte:Assessoria

SICOOB AMAZONIA